Dia de Campo sobre a Cultura da Mandioca é realizado em Nova Andradina

Categoria: Geral | Publicado: terça-feira, setembro 17, 2019 as 16:16 | Voltar

Campo Grande (MS) – Na última quinta-feira (12) o Assentamento Santa Olga, em Nova Andradina, foi o cenário de um Dia de Campo sobre a cultura da Mandioca, com palestras e entrega de distribuidor de calcário. O evento contou com 140 participantes, entre produtores, técnicos e autoridades.

Logo no início, a Prefeitura Municipal fez a entrega de um distribuidor de calcário, com capacidade de 5,5 t, cedido através da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer), por meio de emenda parlamentar da então Deputada Federal Tereza Cristina. O equipamento será destinado a Associação dos Agricultores Familiares do Assentamento Santa Olga.

Em seguida, os palestrantes do dia, apresentaram os temas, sobre “Novas Variedades de Mandioca”, “Manejo de Insetos Praga na Cultura”, “Produção de Mandioca Orgânica”, e “Adequação a Legislação Trabalhista”. Marco Antonio Sedrez Rangel e Rudiney Ringenberg, pesquisadores da Embrapa Mandioca e Fruticultura foram os responsáveis por abordar os dois primeiros assuntos. A Produção de Mandioca Orgânica teve como palestrantes Roni e Daniel da Yama, empresa pioneira na produção e comercialização de fécula orgânica na região. Sobre Adequação a Legislação Trabalhista falou Osvaldo Cardonha, representante da Cooperativa de Trabalhadores da Cultura da Mandioca - Coopcami, de Ivinhema.

Na visita a campo foram vistas as novas variedades de mandioca de mesa e industrial e a seguir houve uma demonstração de como verificar a renda da mandioca, na própria lavoura, feita pelo Agrônomo Rodrigo Zanoni, Coordenador Municipal da Agraer. A cadeia produtiva da mandioca ainda é carente de informação, isso motivou a realização deste Dia de Campo, para passar informações e tecnologias aos produtores. Ao término do evento foram entregues ramas de quatro variedades de mandioca melhoradas pela Embrapa, sendo duas de mesa e duas de indústria.

Os produtores e participantes receberam um feixe de cada variedade, podendo assim ter acesso imediato a materiais de alta tecnologia, com características agronômicas muito superiores as variedades atualmente plantadas na região. A realização do Dia de Campo foi possibilitada graças às parcerias estabelecidas entre a comunidade local, através da Associação e da Cooperativa do Assentamento Santa Olga, da Indústria de Fécula Yama, da Prefeitura Municipal de Nova Andradina, do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, através da Semagro e a da Agraer, e da Embrapa Mandioca e Fruticultura.

O evento foi prestigiado pelo Prefeito de Nova Andradina José Gilberto Garcia, o Secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Integrado Hernandes Ortiz, o Vereador Airton Castro e o Coordenador Regional da Agraer Sandro Henrique Polloni. A coordenação do evento ficou a cargo do escritório local da Agraer com o apoio dos técnicos da Prefeitura de Nova Andradina - Semadi e a participação de membros da Comunidade do P.A. Santa Olga, Resende, Carlão, Dionísio, Amâncio e Osmar. No final foi servido um delicioso almoço, preparado pelas senhoras do Assentamento Santa Olga.

Texto e fotos: Escritório de Nova Andradina

 

Publicado por: Alcineia Santos Maceno da Silva

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.