Agraer vai até comunidades do Complexo Aldeia Buriti discutir prioridades com Lideranças Indígenas

Categoria: Geral | Publicado: terça-feira, novembro 10, 2020 as 18:29 | Voltar

Nessa última sexta-feira (06), a Diretoria e a equipe da Gerência de Desenvolvimento Agrário da Agraer compareceu à Aldeia Buriti, reunindo-se com várias comunidades indígenas. As reuniões foram em duas sedes do território do complexo Aldeia Buriti. Nessas reuniões estiveram presentes caciques de cada aldeia e representantes das diferentes vilas dessas aldeias.

Na oportunidade, foi colocado a possibilidade de implantar o Programa Agraer Fertiliza, proposta que foi muita bem recebida pela comunidade, já que, segundo eles, os solos explorados estão “cansados” e estão precisando de melhoria da fertilidade.

Outras culturas que os líderes manifestaram interesse em desenvolver foram a piscicultura e a apicultura, além da agricultura orgânica. Para tal, a Agraer comprometeu-se a realizar palestras sobre os temas e levantar interessados em participarem de um curso básico para quem desejar desenvolver as atividades.

Outro ponto importante registrado pelos presentes foi em relação a documentação, como a Declaração de Aptidão ao Pronaf – DAP e a Inscrição Estadual junto à Secretaria de Fazenda, a falta de tais documentos dificultam a inserção no mercado e a participação em políticas públicas destinadas à agricultura familiar.

Uma cultura de grande expressão nas Aldeias é a mandioca, por isso alguns líderes colocaram que assistência técnica nessa área seria muito bem-vinda, já que alguns produtores têm perdido produtividade por problemas de fertilidade, de pragas e de doenças.

Das 08 patrulhas mecanizadas disponibilizadas ao município pela Agraer, 06 delas estão à disposição do complexo Aldeia Buriti, realizando trabalhos de preparo de solo, construção de terraços, entre outros serviços.

O povo Terena é agricultor por natureza, por isso esperam que a Agraer esteja mais presente prestando serviços aos indígenas que cultivam a terra e desejam melhorar a produtividade, a comercialização e a renda de suas famílias.

Texto: Fernando Nascimento – Diretor Executivo da Agraer

Fotos: Néia Maceno – Assessoria de Comunicação Social da Agraer

Publicado por: Alcineia Santos Maceno da Silva

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.